Negócios

Vendas online em Portugal: otimize o seu negócio

por Isabel Dias | 11 Abril, 2018

Com o acesso facilitado à internet e as comodidades que as novas tecnologias oferecem, as vendas online em Portugal têm aumentado. Este facto não passa despercebido às empresas que já têm ou pretendem implementar um negócio online.

 

Tornar os processos de compra mais cómodos para os consumidores e ganhar vantagem competitiva face à concorrência: estas são as principais razões pelas quais as empresas apostam em negócios online. Mas não ficamos por aqui.

 

Ao contrário dos negócios físicos, nos negócios online o investimento inicial necessário é menor e a sua expansão maior. Por isso, se ainda não tem um negócio online ou pretende iniciar um processo de internacionalização, saiba que esta é a forma mais cómoda e rápida de o fazer.

 

Qual o estado das vendas online em Portugal?

 

Segundo um estudo desenvolvido pela Associação da Economia Digital em parceria com a International Data Corporation, no ano de 2017 as vendas online em Portugal registaram os 4,6 mil milhões de euros.

 

O mesmo estudo revela ainda que em pleno ano de 2018 cerca de 36% da população portuguesa (o equivalente a três milhões de indivíduos) faz compras online, valor esse que se prevê que cresça para 59% até 2025.

 

No entanto, e tendo em conta que os hábitos de consumo dos portugueses se estão a alterar, para que consigam manter os resultados esperados é fundamental que as empresas percebam as expectativas dos mesmos e sejam capazes de adaptar os seus negócios.

 

Mas, com tanta oferta na internet, qual será a melhor forma de as empresas se destacarem da concorrência e atraírem os consumidores? Como conseguirão estas aumentar as suas vendas online? Tal como nos negócios físicos, o mais importante é a qualidade dos produtos e/ou serviços. Mas não ficamos por aqui.

 

5 dicas para aumentar as vendas do seu negócio online

 

Para aumentar as vendas online do seu negócio, fazer grandes investimentos em estratégias digitais por si só não chega. Mais do que isso, é fundamental que tenha atenção a alguns pormenores.

 

Descubra então algumas dicas simples (mas muito preciosas para as suas vendas) e alcance os números desejados.

 

1. Invista no website

 

Nos negócios online o website é a nossa loja, não é verdade? Como tal, é a partir dele que temos a primeira oportunidade de captar a atenção dos consumidores.

 

Fazendo uma analogia com as lojas físicas, qual é a nossa reação enquanto consumidores ao entrar num espaço confuso e desorganizado? Não nos sentimos muito atraídos, não é verdade? Em ambiente online funciona exatamente da mesma forma.

 

É por isso tão importante investir num site visualmente atrativo, com uma imagem cuidada e de fácil navegação. Além disso, com a crescente utilização de dispositivos móveis por parte dos consumidores, é também importante que invista numa versão “mobile friendly”.  

 

E porque a internet é ainda sinónimo de desconfiança para muitos consumidores, preste especial atenção à segurança do seu site. E, mais importante do que tudo, não se esqueça de agir em conformidade com o Regulamento Geral de Proteção de Dados!

 

2. Aposte nas redes sociais

 

Vender através das redes sociais para ganhar vantagem competitiva e chegar mais rapidamente ao consumidor numa escala global é já uma realidade. E muito se deve aos baixos custos de manutenção, por vezes até mesmo nulos, a que as empresas ficam sujeitas. Contudo, antes de estar em qualquer rede social deve escolher em qual, ou quais, estar. Comece por:

 

  • Fazer uma análise ao seu público-alvo para perceber em qual das redes sociais este passa mais tempo;
  • Detetar as características de cada rede social e identificar vantagens que se ajustem ao seu negócio;
  • Ter em conta os seus objetivos de negócio assim como o produto ou serviço que vende.

 

Deixe-se render a esta tendência e aumente as suas vendas online em Portugal e no mundo!

 

3. Acompanhe o processo de compra do cliente

 

Segundo dados apresentados pelo Baymard Institute, cerca de 69% dos carrinhos de compra online são abandonados pelos consumidores antes de estes terminarem as suas compras.

 

Os motivos que levam os consumidores a não terminar o seu processo de compra são muitos, mas o importante é que as empresas tenham a capacidade de os perceber para que não percam oportunidades de venda.

 

Alertar o consumidor, via e-mail, que as compras iniciadas não foram finalizadas e oferecer-lhe os portes de envio no caso de finalizar a sua encomenda num determinado prazo pode ser uma boa forma de conquistar a sua atenção e realizar novas vendas.

 

4. Mantenha uma relação transparente com o cliente

 

Manter uma relação de transparência com os seus clientes é a melhor forma de conseguir conquistar a confiança dos mesmos e quem sabe até fidelizá-los.

 

Por isso, mais do que vender, mostre que se preocupa com as necessidades e experiência de consumo dos mesmos. Como? É simples:

 

  • Evite o uso excessivo de pop-ups que não acrescentem valor ao processo de compra;
  • Dê detalhes sobre os produtos ou serviços que comercializa;
  • Seja sincero quanto aos prazos de entrega;
  • E, caso ocorra algum imprevisto que coloque em causa o prazo de entrega dos produtos, informe sempre o cliente.

 

5. Trabalhe o pós-venda

 

O cliente faz a sua compra, paga e a encomenda foi entregue... Se acha que o processo de venda está terminado e não precisa de se preocupar mais com isso, desengane-se!

 

O pós-venda é uma das etapas mais importantes do processo de vendas. Nesta etapa deve continuar a trabalhar para conseguir cativar os seus clientes e levá-los a realizar uma nova compra ou, quem sabe, indicar o seu negócio a familiares e amigos com necessidades semelhantes.  

 

Prepare o seu negócio para o sucesso!

 

Ao aplicar estas dicas, o seu negócio online terá tudo para ser um sucesso! No entanto, e porque os negócios são cada vez mais dinâmicos, todas as ferramentas que permitam facilitar os processos empresariais são bem-vindas! E é aqui que entra o Jasmin.

 

O Jasmin, um software cloud expert em gestão criado pela tecnológica PRIMAVERA BSS, foi desenvolvido para empreendedores ou pequenas empresas que pretendem manter os seus processos administrativos em constante atualização sem perder o rumo à evolução do seu negócio.

 

Para que isso seja possível, o Jasmin disponibiliza uma grande variedade de funcionalidades que permitem:

 

  • Identificar tendências;
  • Integrar o software com o Gmail, Dropbox, MailChimp e até mesmo com o Google Maps* para que possa acompanhar o processo de entrega dos seus produtos;
  • Identificar necessidades de compra e controlar stocks;
  • Analisar prazos médios de pagamento e recebimentos de clientes e fornecedores;
  • Faturar em diversas moedas;
  • Emitir guias de transporte, faturas e recibos;
  • Emitir ficheiros para a Autoridade Tributária, respondendo assim às obrigações legais e fiscais dos negócios;
  • Prever resultados e margem de lucro.

 

E o melhor de tudo é que poderá fazê-lo sem qualquer custo associado através da versão Jasmin Express que é gratuita para quem está a começar. Não é fantástico?

 

Experimente já o Jasmin Express e veja o seu negócio crescer!

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado.

Mais artigos

Ver mais