Fintech em Portugal: tecnologia ou moda financeira

por Isabel Dias | 18 Outubro, 2018 em
Tecnologia

A palavra fintech é uma junção de duas outras: finance e technology. Ou seja, tecnologia financeira. As empresas que desenvolvem, produzem, comercializam ou até que baseiam as suas operações nestas novas tecnologias financeiras são chamadas empresas fintech, ou apenas fintech. As fintech em Portugal têm vindo a aumentar nos últimos anos. Mas será que a presença das fintech em Portugal é uma moda passageira, ou é mesmo algo que veio para ficar? 

Fintech em Portugal: os tempos mudam 

De forma mais concreta, muitas empresas fintech são novas no mercado e operam como startups. Uma das questões à volta das fintech é se estas empresas inovadoras vão crescer e dominar um grande segmento do setor financeiro ou focar-se em áreas de nicho. Ou ainda optar por prestar serviços especializados a instituições maiores.  

Muitos bancos têm apostado na tecnologia financeira, e até têm departamentos dedicados a fintech. Outros compraram empresas fintech – incluindo bancos fintech – ou formaram parcerias. 

Alguns exemplos desta tecnologia fintech em Portugal são novas formas de pagamento, aconselhamento de investimento automatizado ou até aquelas apps de online banking (sim, esteve a usar fintech este tempo todo!). 

 

A fintech no dia-a-dia 

Poucos são aqueles que nunca usaram o Paypal, especialmente se têm lojas online. Da mesma forma, as mobile wallets também ganham terreno, o sistema contacless já está mais que instalado, o blockchain e a criptomoeda avançam a passos largos... 

Mas não é preciso ir tão longe, as fintech em Portugal também têm mudado os nossos dias. Sempre que cria um cartão de crédito virtual com o MB Net, ou transfere dinheiro via smartphone com o MB Way, ou ainda ao levantar dinheiro numa caixa sem usar o cartão bancário, está a usar ferramentas muito ligadas ao sector da fintech, neste caso, criadas pela SIBS. 

E apesar de a SIBS ser a empresa fintech mais antiga (tem cerca de 20 anos!) há bem mais fintech em Portugal. É o caso da Seedrs, a plataforma pioneira na Europa, no âmbito do financiamento empresarial coletivo, e que permite a qualquer um investir numa startup. 

Uma das apostas mais recentes das fintech em Portugal é a concessão de crédito. A ITSector criou uma app que permite simular e contratar um crédito em tempo real; a Casa Banco CTT permite-lhe obter crédito à habitação; já a CrediSimples do Santander Totta é uma app que disponibiliza crédito pessoal in app. 

Vantagens da fintech para as PME 

Apesar de se falar muito das vantagens da utilização de fintech para os consumidores, as empresas, e em especial as PME, também podem beneficiar e muito com esta tecnologia. 

Incorporar ferramentas fintech nas lojas online, por exemplo, traz vantagens para as PMEs tornando o processo de compra mais apelativo e facilitado para os clientes. Falamos de, por exemplo, várias formas de pagamento como referência Multibanco, Paypal, MBWay, Stripe, etc. 

As fintechs direcionadas para o crowdfunding também tornam mais fácil investir em empresas e conseguir financiamento. Aumenta a comodidade, segurança, e rapidez com que pode tratar dos processos financeiros. 

Cuidados a ter com a tecnologia financeira 

A segurança, sendo uma das vantagens da fintech, é também uma das maiores preocupações. Nada é 100% seguro, especialmente as operações financeiras informáticas que envolvem movimentações de grandes quantias de dinheiro.  

Como as fintech em Portugal estão a crescer e a consolidar, especula-se que possam ser um alvo de fraude, pela sua popularidade. Por outro lado, em relação à impressão causada no consumidor, algumas fintech em Portugal, por serem recentes ou startups, não têm a credibilidade de um grande banco, o que pode deixar alguns clientes “de pé atrás”. 

A principal desvantagem da fintech em Portugal, e no Mundo, face a um banco, é a falta de regulamentação dos serviços. Existe ainda a questão do “100% digital”, o que exclui automaticamente uma grande parte da população portuguesa. 

Jasmin Software, com a agilidade de uma fintech 

O Jasmin, software de faturação expert em gestão, agiliza e simplifica toda a gestão do seu negócio. Não precisa de ser uma fintech para recorrer a tecnologia que lhe facilite a contabilidade e gestão financeira mas, se for, a solução também está aqui. 

O Jasmin é um software desenvolvido para PMEs, startups e empreendedores, que desejam fazer crescer os negócios, acompanhados de um software versátil e que ajuda a enfrentar os desafios digitais de hoje em dia. 

Com o Jasmin tem um conjunto de indicadores de desempenho, funções de demonstração de resultados, inteligência e poder preditivo, que o tornam um aliado à tomada de decisão. 

Mas conheça e veja por si: experimente já o Jasmin Express! 100% cloud, certificado pela AT e gratuito, é o parceiro que o seu negócio precisa.

Tecnologia

User Experience: um fator diferenciador

por Isabel Dias - há 11 meses

O user experience (UX) é o mote e inspiração para muitas empresas que operam tanto no meio tradicional como no digital. Como tal, o mais importante é não cair no erro de concentrar o seu negócio no seu próprio interesse, mas sim adaptá-lo da melhor forma ao seu mercado-alvo, dando a devida importância à experiência […]

Tecnologia

Tudo o que tem de saber sobre a segurança dos seus dados na cloud

por Isabel Dias - há 1 ano

Inovação, aumento da produtividade ou otimização de processos organizacionais são algumas das principais vantagens da cloud para os negócios. No entanto, há que ter em atenção os riscos associados à falta de segurança dos dados na cloud.     Cloud: evolução no modo de trabalhar   Quando pensamos em cloud, pensamos automaticamente em clouds públicas […]

Tecnologia

Social Selling: o que é e quais os benefícios para a sua empresa

por Isabel Dias - há 10 meses

Seguramente que já ouviu falar de Social Selling e poderá achar que sabe o que é. E não, não é o mesmo que Marketing ou Publicidade nas redes sociais. Mas se há algo com que todos podemos concordar é que o poder das redes sociais mudou o modo de comunicar e vender, facilitando e agilizando […]

Tecnologia

Quando a tecnologia intervém a favor da contabilidade

por Isabel Dias - há 1 ano

Andar com mil e uma pastas, livros de contabilidade e calculadoras atrás é coisa do passado! O contabilista moderno apenas precisa de uma coisa: nada mais, nada menos que do seu computador!   A revolução tecnológica deixou o seu rasto em variados setores de atividade simplificando, claramente, os métodos de trabalho. E o setor da […]

Tecnologia

O que é um marketplace?

por Isabel Dias - há 10 meses

Já ouviu falar do termo “marketplace” mas não sabe a que se refere? À semelhança de um e-commerce, um marketplace é uma plataforma que é criada com o objetivo de promover a venda de produtos através da internet.   Contudo, enquanto o e-commerce se designa por uma loja online onde as empresas vendem os seus […]

Tecnologia

Jasmin e Zapier: ligações que ajudam o seu negócio

por Isabel Dias - há 3 meses

É um facto incontornável: o mundo dos negócios está em permanente mudança. Cada vez mais, novas soluções surgem para tornar o dia-a-dia mais prático e dinâmico. Por isso mesmo existe o Jasmin, um software de faturação, expert em gestão, desenhado para o empreendedor de hoje que precisa de flexibilidade para trabalhar, e que não tem […]

Tecnologia

Gestão de projetos: sete razões para mudar para a cloud

por Isabel Dias - há 1 ano

Apesar do tema já não ser novidade, ainda existem muitas dúvidas e inseguranças no que diz respeito à utilização da cloud na gestão de projetos. Uma coisa é certa, a cloud veio facilitar a gestão dos processos internos nas empresas.   Software cloud, porquê?   São cada vez mais as empresas que optam por armazenar […]

Ver mais

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *